ATUALIZANDO A DISCOTECA: Europe, War Of Kings (2015)

Europe War of Kings album cover
Europe: War of Kings (2015)

Pegue qualquer coletânea/playlist ao estilo flashback  anos 1980. Certamente a canção The Final Countdown estará detre as enumeradas. Este hino oitentista do Hard Rock fez o mundo prestar atenção numa banda sueca que descobria a melhor forma de mesclar arranjos grudentos de sintetizadores com guitarras heavy metal. O álbum The Final Countdown (1986) é um marco na história do Europe e mais parece uma coletânea, tamanha a quantidade de excelentes composições que compõem-no. Com este álbum, se tornaram uma das mais carismáticas bandas de rock de sua geração, conquistando o mercado americano de modo indiscutível. Todavia, seis anos depois, ao findar  a turnê de 1992, entram num hiato que duraria até a reunião no início da próxima década.

Entretanto, esqueça a banda forjou o megassucesso “The Final Countdown“, o Europe do século XXI investe no melhor do Hard Rock setentista, com timbragem orgânica, composições melodiosas e teclados vintages onipresentes, tudo empacotado em tons musicais modernos. Quando a banda surgiu, eram apenas quatro adolescentes, colegas de escola na cidade de Upplands-Vasby, que se reuniram com o intuito de tocar o melhor de nomes como Rainbow, UFO, Led Zeppelin e Deep Purple, influências que refletem mais nesta nova encarnação da banda do que em seus primeiros anos, sendo mais latente neste novo álbum, War Of Kings.

Este processo de mudança na sonoridade transita desde os álbuns anteriores. Start from the Dark, álbum de 2004, mostrava que a banda voltava com olhos voltados para o futuro, com sonoridade moderna e crua, enquanto o álbum Secret Society (2006) adicionava mais melodia a esta nova roupagem. A veio retrô começou a ser mais explorada dentro desta nova proposta no álbum Last Look at Eden (2009), enquanto o  magistral Bag of Bones (2012) nos oferecia altas doses de hard rock, embebido no melhor que o blues tem a oferecer. Neste contexto, War Of Kings é o novo passo dentro da evolução sonora da banda, onde adicionaram mais melancolia nas classudas harmonias alicerçadas em progressões e andamentos naturais aos blues rock e ao hard rock setentista.

Sobre este toque retrô do álbum, Joey Tempest, vocalista da banda, diz:

Isso sempre foi algo que queríamos fazer. As baterias soam realmente iluminadas e usamos os teclados de modo correto, com timbragens retrô, de Hammond e Mellotron, criando um som especial para o álbum. Isso é o queríamos transparecer. Algo que tivesse uma jornada: pesado, mas também emocional. Trabalhamos muito para criar atmosferas e arranjos neste álbum.

Em relação ao álbum anterior, o sensacional “Bag Of Bones” (descrito pelo vocalista como uma álbum mais direto que War of Kings), notamos uma certa melancolia sombria nas canções, principalmente na fabulosa “War Of Kings” (que amalgama o melhor dos dois mundos da banda) e “Children of the Mind” (densa e pulsante). Já”Second Day” remete diretamente ao Led Zeppelin, enquanto “Praise You” e “Days of Rock N’ Roll” são o mais puro rock clássico. O lado hard rock mais moderno pode ser sentido em “Hole In My Pocket“, uma faixa veloz e direta, baseada em guitarras instigantes e refrão irresistível.

Os garotos do hard rock oitentista amadureceram e estão mais próximos dos melhores dias de nomes como Deep Purple, Rainbow e Whitesnake, adicionados de elementos classudos do melodic rock moderno. Além disso, é interessante salientar o esmero nos versos, tendo como exemplo máximo a faixa-título, que foi inspirada pelo livro The Long Ships: The Geat Saga Of The Vikings, do autor  Frank G. Bengtsson.

Por fim, enaltecer a qualidade da voz de Joey Tempest é redundante, mas é importar salientar que sua voz caiu como uma luva nesta nova proposta da banda, sendo o elemento que da a liga ideal para seguir o novo caminho. Um álbum nota 10.

Anúncios

E aí? Curtiu? Conte-nos o que achou desta postagem, mas seja educado, por favor!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s